Lionel Messi, Kylian Mbappé e uma inesquecível final de Mundial

Comente

LUSAIL, Catar — De vez em quando, um jogo sai de sua definição padrão e começa a assumir algumas características humanas. Ele desafia suposição após suposição, estupefato e estupefato, desconcertante, comovente, curvando-se e recuando quase como se fosse gritar. Ele ganhará vida própria – extraordinariamente vivo e até mesmo encantado com seu próprio capricho.

E então, às vezes, como este festival de endorfinas Final da Copa do Mundo entre Argentina e França Em um estrondo bizarro no Lucille Stadium na noite de domingo, ele fará um truque que o resto do mundo não pode: seguirá em frente e se mostrará instantaneamente imortal.

É para lá que mais de um bilhão de pessoas vão agora, tendo assistido à difícil arte de processar como a Argentina e seu campeão mundial de 35 anos, Lionel Messi, enfrentaram a França e seu campeão mundial de 23 anos, Kylian Mbappé. -2 nas cobranças de pênaltis após um empate irreal de 3 a 3. Eles podem tentar lembrar que esta corrida levou 46 milhões de argentinos e 67 milhões de franceses e muitos no resto do mundo de 2 a 0 na Argentina para 90 a 3 a 2 após 79 minutos. Argentina 108 a 3 a 3 após 120 nos pênaltis. Aqui vai todo esse capítulo, respirando o futuro.

Lionel Messi vence a Copa do Mundo e Argentina derrota a França na final da Copa do Mundo

Em cafés e salões de beleza, pubs, salas de aula e tocas, um gerente, o argentino Lionel Scaloni, disse: “A competição foi absolutamente insana”, enquanto outro, o francês Didier Deschamps, disse: “Conseguimos voltar dos mortos”.

Vai até junho de 2026, quando a próxima Copa do Mundo masculina começará nos Estados Unidos, México e Canadá. Depois que o evento aconteceu no minúsculo polegar de um país, o evento acontecerá em um grande local, mas como será a final de 2022? Esse evento será sem Messi, mas iluminado com a quase dinastia de jovens estrelas da França – mas, ei, que tal a final de 2022? Quão perto estão os franceses de sua busca pelo terceiro título consecutivo da Copa do Mundo em 2026, mas como será a final de 2022?

READ  Um esforço do GOP para impeachment do deputado democrata Adam Schiff falhou em uma votação importante

As pessoas que estão longe não conseguem nem apontar onde aconteceu, o que vai aliviar aqueles que gostariam que não tivesse acontecido aqui. com seu polêmico apresentador Com charme e desconfiança.

Em 18 de dezembro, após uma partida de três horas, os torcedores comemoraram a vitória da Argentina na Copa do Mundo. (Vídeo: Washington Post)

As pessoas podem falar sobre como Messi conseguiu o troféu e a singularidade que ele perseguiu em cinco Copas do Mundo. Eles poderiam falar sobre como Mbappé transformou a partida em uma que lisonjeava o perdedor tanto quanto o vencedor, sua própria imagem florescente como um destruidor de terras e o primeiro homem a marcar um triplo no mundo. Uma final de copa desde Geoff Hurst, da Inglaterra, em 1966, e seu gol de empate aos 81 minutos podem marcar a maior lembrança dessa maravilha.

“Ele pode mudar uma partida em um instante”, disse Deschamps no início do evento, enquanto a França se tornou a primeira campeã a aparecer na final desde o Brasil em 1998. fechou, e Deschamps disse: “Kylian realmente deixou sua marca nesta final. Infelizmente ele não deixou do jeito que queria e é por isso que ele está tão desapontado.

A decepção naquele rosto ficará em nossa memória. Aquele rosto falava muito.

Alguns – por exemplo, os do hemisfério norte – aos 120+3, no raro terceiro minuto da prorrogação, Mbappé estava ansioso para levar tudo sozinho com uma jogada feroz através dos zagueiros. Do lado esquerdo e caixa.

Outros – por exemplo, os do hemisfério sul – antes que algo maior acontecesse, um substituto argentino, Paulo Dybala, jogou a bola para longe.

‘Argentina resiste’: comemorações emocionantes da vitória na Copa do Mundo em Buenos Aires

READ  Ucrânia avança para adesão à UE enquanto forças russas reprimem cidades de Donbass

Entre os geeks, a largada de Scalani para Ángel Di Maria, de 34 anos, que picou o francês pela esquerda, resultou em pênalti, após o qual Messi se converteu para marcar mais. Mais tarde. Ou talvez eles falem sobre as substituições da França aos 41 minutos, que trouxeram o melhor de Randall Kolo Mwani, ainda com 24 anos, e Marcus Durham, ainda com 25. Os palestrantes podem notar que conseguiram incorporar um pouco de justiça neste jogo. O argentino Gonzalo Montiel – seu handebol aos 118 minutos trouxe o pênalti e o gol de empate de Mbappé, e 10 minutos depois o gol de Messi adiou a vitória. com o pênalti final.

Alguns se lembrarão de certas ameaças e medos com o tempo. Alguns se lembrarão de outros.

Nas ruas das cidades argentinas, quem está na torcida vai lembrar como corria nas ruas das cidades argentinas, esperando 36 anos para correr nas ruas das cidades argentinas. “Bem, é demais”, disse Scaloni, que ajudou a dar à Argentina Em tempos econômicos difíceis. E, “Nossos problemas não vão a lugar nenhum; No entanto, eles ficarão um pouco mais felizes, e isso é ótimo.

Mas principalmente, as pessoas de um planeta há muito enlouquecido por este jogo, lembre-se de como a coroa finalmente caiu para Messi, cujo nome apareceu nas costas das camisas de todo o mundo por muito tempo. Eles vão se lembrar de como ele caminhou em direção a sua família e aos torcedores argentinos, que fizeram barulho o suficiente para serem ouvidos em Buenos Aires, a 13.300 quilômetros de distância. Eles vão lembrar como ele era, e como sua dura busca por troféus internacionais na Copa América em 2021 e na Copa do Mundo em 2022 foi lendária: a primeira diante de um estádio vazio no Rio de Janeiro, a segunda 88.966 para um recém-nascido. O estádio é ótimo para aguentar o barulho – o mesmo estádio onde a Argentina começou aqui no mês passado com um grande rugido do outro lado Uma derrota chocante para a Arábia Saudita por 2-1.

READ  Canelo Álvarez vs. GGG 3: Atualizações da rodada ao vivo

É um planeta divertido para um cidadão global que vale centenas de milhões, que quer paz de espírito e está em outdoors em vários continentes. O rosto familiar de Messi é o que o mundo queria ver depois de todos esses anos de magia, depois de uma partida em sua própria carreira inesquecível.

Copa do Mundo no Catar

Mais recentes: Argentinaa ganhou a copa do mundoEles derrotaram a França nos pênaltis na emocionante final de domingo em Lusail, Qatar, para sua primeira Copa do Mundo desde 1986. Espera-se que a Argentina esteja no comando da estrela do futebol mundial Lionel Messi no que se espera ser sua última aparição na Copa do Mundo. Depois que o Brasil conquistou troféus consecutivos em 1958 e 1962, a França tentou se tornar campeã consecutiva.

Visão de mundo atual: Na cabeça de muitos críticos, especialmente no Ocidente, a Copa do Mundo do Catar sempre será um torneio envolto em polêmicas. Mas o ministro das Relações Exteriores do Catar, Mohammed bin Abdulrahman Al Thani As pessoas querem ter outra visão.

Perspectiva: “A América não é mais motivo de chacota para o futebol masculino. É algo importante e é mais consistente trabalhar para o resto do mundo do que forçar obstinadamente uma cultura esportiva americana – sem a vantagem dos melhores talentos – para a competição internacional”. Jerry Brewer fala sobre o futuro da Seleção Masculina dos Estados Unidos.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *