Apple Artigos Opinião

Será esta a nova estratégia da Apple para 2019?

14/01/2019

author:

Será esta a nova estratégia da Apple para 2019?

Apple, uma marca adorada por milhões e odiada por outros milhões… mas acho que podemos todos concordar que sabe vender os seus produtos, sabe aliciar-nos a comprá-los e a usar os seus serviços. Tudo é pensado ao pormenor para nos fazer entrar no ecossistema, e depois de entrar nele, e por este funcionar realmente como dizem, é muito difícil sair pela comodidade e funcionalidade do mesmo.

Mas este ano mal começou e a Apple está a rever os seus lucros em baixa, a levar com relatórios que indicam que os seus produtos não estão a vender assim tão bem… mas também está a sair nas notícias por anúncios positivos de outras marcas, sobretudo nos primeiros dias da CES 2019.

O anúncio que o AirPlay 2 estará presente em vários modelos das marcas Samsung, LG, Sony e Vizio pode indicar um plano muito complexo da Apple para atrair novos clientes. A Samsung até foi mais longe a indicar que para além do AirPlay 2, as suas novas televisões e alguns modelos do ano passado (que necessitam de atualização de software da televisão) irão ter também o iTunes ou uma versão especifica deste software.

Pode-se dizer que a tecnologia dos dispositivos móveis está a entrar no campo em que não há novidades suficientes para estar sempre a mudar de smartphone todos os anos, e a Apple deve ter percebido isso após o seu programa de trocas de bateria por valores bastante acessíveis, visto que muitas das pessoas viram o seu iPhone reabilitado e pronto para aguentar mais um ano ou dois, contudo os seus modelos vendem ainda milhões de unidades!

Já que a Apple compra os ecrãs OLED à Samsung, porque é que não compra ecrãs grandes e faz a sua própria televisão com um sistema operativo igual ao da Apple TV? Esta pergunta só poderá ser respondida daqui a uns meses ou quiçá anos, para podermos ver se a mudança de estratégia funcionou em pleno e se os consumidores aderiram.

Mas afinal porque que a Apple está a fazer este tipo de negócios e parcerias?

Acho que de acordo com todas as notícias e alguns rumores podemos antever que a Apple vai entrar no mundo do streaming de filmes e séries. Já existem contratos assinados com Steven Spielberg e Steve Carrel para produzirem conteúdo, bem como se diz que a Apple está a investir mil milhões na produção de conteúdo original para o seu serviço. A Apple vai concorrer contra serviços como o Netflix ou Amazon Prime, que já estão estabelecidos há muito tempo e todos eles estão presentes nas Smart TVs que temos por casa, logo estas novidades de compatibilidade, vão permitir às pessoas que adquiram ou assinem um serviço Apple mesmo sem ter nenhum dispositivo da marca de Cupertino em casa. Antes já o podiam fazer através do iTunes para Windows, mas vamos ser realistas, a percentagem de pessoas a utilizar o iTunes no Windows é muito baixa.

Sabemos que a Apple TV não deve ser abandonada, pois no momento atual ela tem a possibilidade de correr aplicações e jogos numa plataforma só sua e ver conteúdo vídeo e ouvir musica (através do Apple Music). Todas essas funções extra da Apple TV têm o preço de 199€ pela versão de 32GB (219€ – 64GB) e só querendo todos esses extras é que te vai fazer comprar esse dispositivo Apple.

Isto é o inicio de uma viragem na mentalidade fechada da Apple, que poderá render milhões para a empresa, isto porque uma boa oferta de serviços de streaming é algo que vai fazer cativar as pessoas.

Nascido em Lisboa e criado na margem sul, desde cedo desenvolveu gosto por tudo o que era tecnologia. Licenciado em Design Industrial pela universidade Lusíada de Lisboa em 2002 e desenhador projetista desde então! Designer gráfico/web em part-time e com uma paixão por fotografia e vídeo. Entra no mundo Apple em 2007 com Ipod Classic 5 geração, e desde então o iPhone 3G/4/5/6, IPod nano 6 geração, iMac 21.5, Apple TV 3 geracao, IPad Air e iPad Pro 12.6” com Apple Pencil... e muito mais virá! Autodidata por natureza!